© EDITARES 2017  Todos os Direitos Reservados

  • Facebook Clean
  • Twitter Clean
  • White Instagram Icon

ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL EDITARES

AV. Felipe Wandscheer, 6200, sala 107 

Foz do Iguaçu - PR

CEP 85856-530

+55 45 2102.1407

contato@editares.org

Editorial

A Editares dedica-se à produção e publicação de obras embasadas na ciência Conscienciologia e suas especialidades.

 

É objeto de interesse desta editora a publicação de obras cujo conteúdo contribua para o enriquecimento e expansão das pesquisas e divulgação da ciência Conscienciologia no planeta. 

Quer publicar o seu livro?

Conheça maiores detalhes de nossa linha editorial e o passo a passo para publicar sua obra. 

Por tratar-se de uma editora da ciência Conscienciologia, todas as obras publicadas pela Editares precisam estar assentadas no trinômio Verponologia-Taristicologia-Descrenciologia. As neoverpons-conscienciológicas são o objeto de maior interesse dentro da linha editorial da Editares. 

Segundo o pesquisador Waldo Vieira, os gêneros de comunicação mais adequados à linguagem científica da Conscienciologia são: a prosa didática com a crítica racional, o ensaio técnico e o tratado científico. Por ser uma Instituição Conscienciocêntrica, a Editares prioriza estes 3 gêneros. 

A Editares interessa-se pela publicação das mais variadas categorias de obras, entre elas: enciclopédias, tratados, dicionários, coleções, antologias, manuais, biografias, autobiografias, relatos, guias, livros didáticos, pocket books, livros-jogos, livros comemorativos, anuários, periódicos, dentre outros. Possuímos publicações impressas, ebooks e audiobooks.

A Editares não publica obras inseridas nestes 9 materpensenes:

1. Anticosmoética

Livros que façam apologias anticosmoéticas, por exemplo, à antiecologia, ao belicismo, à religião, ao suicídio, à toxicomania, à violência, aos idiotismos culturais, dentre outros.

2. Antiuniversalismo

Livros que defendam abordagens antiuniversalistas, ou seja, aprioristas, facciosas, fechadistas, interiorotas, paroquialistas, sectárias, separatistas, dentre outros.

3. Arte

Livros artísticos, ou seja, que privilegiem a beleza estética em detrimento da mensagem conteudística, invertendo os percentuais lógicos do confor: 99% forma e 1% conteúdo.

4. Dogmatismo

Livros dogmáticos, religiosos, doutrinários, peremptórios, ou seja, assentados em verdades absolutas, crendices, mitos, sacralizações ou gurulatrias.

 

5. Ficção

Livros ficcionais, ou seja, que narrem histórias fantasiosas e cujos cenários, personagens ou enredos são ilusórios, desconectados dos fatos, parafatos, realidades ou pararrealidades.

6. Inutilogia

Livros que fomentem a cultura inútil, o besteirol, o lixo mental ou a superficialidade.

 

7. Materialismo

Livros eletronóticos, materialistas, fundamentados apenas no paradigma newtoniano-cartesiano, reducionista e fisicalista.

8. Misticismo

Livros místicos, esotéricos ou próprios do ocultismo e típicos da Abstrusoteca.

 

9. Tacon

Livros assistencialistas, demagógicos, fazedores de média, eufemísticos, melífluos, paliativos, no estilo água-com-açucar, ou seja, que realizem ou exaltem a tacon.

....

VIEIRA, WALDO; Manual de Redação da Conscienciologia; 2a Ed.; Associação do Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC); Foz do Iguaçu, PR; 2002; página 57.  

 Conheça nossa linha editorial 

 e o passo a passo para publicar o seu livro